Brasil abre o Mundial Sub 21 de Judô com Prata na Flórida

2638
0
Share:

Fort Lauderdale, FL (BDCi) – Primeiro dia de competição para os judocas brasileiros no Centro de Conveções de Fort Lauderdale e dos quatro representantes do Brasil, Luiz Cláudio Lima Júnior, Vitor Carvalho, Tawany SilvaLarissa Farias do Mato Grosso do Sul, foi a única que avançou para final em sua categoria.

segunda colocada no ranking mundial de judô da categoria superligeiro, Larissa  venceu todas as suas três lutas, ela enfrentou as atletas da Espanha, Mongólia e Tunísia.  A final foi contra a japonesa Hitomi Sakaguchi, a primeira no ranking sênior de judo que venceu a pequena judoca por um ippon.

“Gostaria de ter levado ouro, não estou triste, estou muito feliz com a medalha, mas a minha performance e minhas escolhas poderiam ter sido melhores”, disse a atleta sul-mato-grossense.

2014 Junior World Judo Championships

2014 Junior World Judo Championships

De acordo com a Andrea Bertti, técnica da equipe de base Sub21, os atletas chegaram muito bem preparados e com expectativa de medalhas. A comissão brasileira trouxe 19 atletas para o Mundial, os quais ficaram concentrado por três semana em São Paulo antes de embarcar para os Estados Unidos.

O Mundial que começou nesta quarta-feira (22) no Broward Convention Center, em Miami, dura até no próximo domingo (26). Cerca 563 atletas foram inscritos, sendo 331 no masculino e 232 no feminino. O Sub 21 reuniu judocas de 80 países. O Japão, Rússia e Estados Unidos são os únicos países que estão com o número máximo de atletas permitidos: 20. Já o Brasil, França e Holanda vêm logo atrás com 19 judocas em suas equipes. E 11 países serão representados por apenas um atleta: Aruba, Camarões, Djibuti, El Salvador, Emirados Árabes Unidos, Estônia, Panamá, Paquistão, Paraguai, Suíça e Togo.

 

 

 

Share: