Desemprego tem queda surpreendente em janeiro

158
0
Share:

WASHINGTON (BDCi) — O número de contratações em janeiro apresentou forte alta com a criação de 243.000 empregos, recuando a taxa de desemprego pelo quinto mês consecutivo para 8,3%, segundo divulgou nesta sexta-feira (3) o Departamento de Trabalho. A redução do desemprego aconteceu simultaneamente a um aumento de 0,3% da população ativa com relação a dezembro.

No setor privado, todos os setores da atividade foram geradores de emprego, com exceção dos de informação e finanças, que, somados, reduziram em 18.000 seu número de postos de trabalho. No setor público, a perda de empregos foi a mais baixa dos últimos quatro anos, com 14.000.

“Os dados demonstram que a economia está se recuperando da pior recessão registrada desde a grande depressão dos anos 30”, disse o principal economista do governo, Alan Krueger. Segundo ele, foram criados 3,7 milhões de novos empregos nos últimos 23 meses. Contudo, há muito a ser feito para que sejam gerados empregos para os 12,8 milhões de desempregados no país.

“O mais importante é estender o corte de impostos na folha de pagamentos e continuar a proporcionar o auxílio-desemprego de emergência até o final deste ano”, disse Krueger em referência ao projeto do governo que continua esperando aprovação no Congresso.

O presidente Barack Obama, comemorou: “a economia está se fortalecendo e a recuperação se acelera”, acrescentando que Washington deve impulsionar o crescimento econômico e não desacelerá-lo sinalizando para que o Congresso não “frustre” a recuperação bloqueando a política econômica dele.

“Não desacelerem a recuperação que vivemos, não a obstruam”, apregoou Obama, dirigindo-se claramente aos legisladores. “Não é o momento de darmos um tiro no pé”, completou.

Por: Josi Chevalier

Editado por: Mariana Knabben

Fonte: AFP/G1

Foto: Depto de Trabalho

04 de Fevereiro de 2012

9:00 a.m. PST

Share:

Leave a reply