A febre do detox

Share:

BRASIL (BDCi News) — As dietas desintoxicantes, ou mais conhecidas como dietas detox, adotadas por culturas ancestrais como a hindu, chinesa e xamânica, tratam-se de um antigo conceito de desintoxicação que tem como foco a severa restrição alimentar por um período limitado de tempo. Hoje em dia, a vida agitada e a falta de tempo trazem consequências negativas tanto no metabolismo quanto na alimentação das pessoas. O resultado acaba sendo visto no aumento de peso e problemas de saúde devido a um excesso de comida industrializada e lanches preparados com alimentos ricos em gorduras, sal e conservantes. Na busca desesperada pela perda de peso e um melhor funcionamento do organismo, homens e mulheres passaram a aderir a dieta detox com frequência. Acontece que, diversas lojas físicas e onlines, aproveitaram a febre do detox e lançaram diversos programas da dieta que prometem auxiliar o organismo a eliminar toxinas através de alimentos com baixo valor calórico, contribuindo para a perda rápida de peso. É o caso das empresas como a Sabores Light e Urban Remedy, no mercado há mais de dez anos.

          O programa detox da Sabores Light dura três dias, com preparações variadas, sempre com pouca gordura, açúcar e sal, baixa quantidade de carboidrato e lactose. Há 15 anos no mercado, a empresa investe em uma culinária saudável e com mais sabor, além de oferecer praticidade para quem quer emagrecer, manter o peso e não tem tempo ou habilidade para cozinhar.

collage

Kits da Sabores Light (Foto.: Site Sabores Light)

A Sabores Light que além da loja online, possui lojas físicas em várias regiões do Brasil como Porto Alegre (RS) e Florianópolis (SC), limitava sua produção artesanal a apenas lanches e, em pouco tempo, passou a servir refeições completas e conquistar um público preocupado em agregar qualidade de vida ao seu dia a dia.

          Segundo a nutricionista da marca, Andréia Nascimento, após três dias iniciais da dieta, é oferecido ao cliente uma continuidade com o programa SPA 800 Kcal Low Carb. “Ele é um programa alimentar que tem por objetivo o emagrecimento. Composto de alimentos ricos em proteínas e baixo índice de carboidratos, contém cinco refeições para cada dia durante uma semana”, diz. A equipe também é treinada e capacitada para a produção das comidas de acordo com as regras de saúde, como a utilização do sal. “Utilizamos um grama por refeição que é a recomendação do Ministério da Saúde”, explica a nutricionista.

          Já a Urban Remedy, marca de sucesso nos Estados Unidos, chegou ao Brasil no final do ano passado e oferece produtos 100% orgânicos. Cada um dos três programas de detox contém nutrientes de pelo menos cinco quilogramas de 15 tipos de verduras, frutas, sementes e castanhas. A diferença entre cada um é a quantidade de verduras e clorofila. “As verduras verde-escuras são os alimentos mais nutritivos e alcalinos do planeta, graças à clorofila que faz uma verdadeira faxina interna e ainda confere benefícios como a estimulação da produção de glóbulos vermelhos, oxigenação e alcalinização do sangue”, diz Juliana Loureiro, uma das três sócias da marca no Brasil. Como diferencial, a Urban Remedy apresenta uma grande variedade de produtos totalmente orgânicos, crus, prensados a frio e com baixa carga glicêmica, prensados a frio e com baixa carga glicêmica, mantendo assim estável a concentração de açúcar no sangue. Juliana afirma ainda que é possível perceber os resultados da dieta mesmo sem a prática de atividades físicas. “Nós, inclusive, não recomendamos a prática de exercícios físicos durante o detox. A ideia é dar um descanso para o seu corpo, pois assim os órgãos de eliminação têm energia para filtrar e eliminar as impurezas, como já acontece naturalmente durante a noite quando estamos dormindo”, ensina.

DETOX DA CASA COM INGREDI

Variedade de sucos da Urban Remedy (Foto.: divulgação/Assessoria da marca)

 

Por trás do detox

          A nutricionista Elisa Berkenbrock, que dá dicas para milhares de seguidores em seu instagram (@dicadanutri) sobre como ter uma boa alimentação, alerta que esse tipo de dieta, quando praticada sem orientação e sem planejamento, pode levar à deficiência de vitaminas, minerais e aminoácidos, comprometendo o sistema imunológico, neurológico, endócrino, entre outros. “Por serem restritivas, se as dietas detox não forem bem orientadas, planejadas e não contarem com suporte extra de vitaminas, minerais e aminoácidos, podem trazer prejuízo à saúde”, conclui. Ela ainda ressalta que durante a dieta devem ser consumidos peixe, ovos caipiras, hortaliças, verduras, legumes, tuberculos –  preferencialmente batata doce, batata aipo, inhame e cará – e frutas em geral. Não se deve consumir carne bovina, suína, frango, açúcar, laticínios e alimento industrializados e processados.

collage2

Elisa posta diariamente dicas de alimentação, assim como receitas e frases motivadoras (Foto.: reprodução/instagram)

           É importante ressaltar que mesmo após o término da dieta desintoxicante deve-se manter uma alimentação saudável com a inclusão de frutas e verduras, além da constante ingestão de água. Segundo uma pesquisa apresentada na conferência anual do American College of Cardiology (ACC), realizada em março deste ano em Washington, mulheres jovens que comem muitas frutas e verduras preservam suas artérias e reduzem em 40% o risco de aterosclerose na idade adulta.

Share: