Filme brasileiro é uma das apostas para o Oscar 2014

331
0
Share:

Parece que foi ontem que Jennifer Lawrence subia ao palco – e rasgava seu vestido Dior – enquanto recebia seu primeiro Oscar por sua atuação em “O lado bom da vida”, filme de David O. Russel. Ou quando Ben Affleck recebia sua estatueta por “Argo”, vencedor de Melhor filme, Melhor roteiro adaptado e Melhor edição.

Porém, a corrida para o Oscar 2014 já começou há um bom tempo. Entre Março até meados de Novembro deste ano começam a surgir na rede as primeiras especulações das indicações. Os candidatos são fundamentados através de boatos, expectativas, observações de especialistas, opiniões do CETI, festivais e algumas premiações. De Novembro até Janeiro de 2014 começa-se a segunda fase. Os candidatos ficam cada vez mais sólidos com as indicações e resultados de algumas das principais premiações da temporada de ouro do cinema. A terceira fase, enfim, acontece entre Janeiro e Março de 2014, com a revelação dos indicados pela Academia nas 24 categorias do Oscar 2014.

Entre todas as categorias do mais famoso e cobiçado Festival de cinema do mundo, destaca-se o “melhor filme estrangeiro”, que tem para o próximo ano a indicação de um filme brasileiro: O som ao redor, um filme de Kleber Mendonça Filho. A escolha foi anunciada pelo Secretário do Audiovisual do Ministério da Cultura, Leopoldo Nunes, na sexta-feira (20), em Brasília.

 

o-som-ao-redor

A última vez que um filme brasileiro foi indicado ao Oscar foi em 1999, com Central do Brasil, filme do consagrado diretor Walter Salles, com Fernanda Montenegro, que por sua vez, foi a primeira atriz latino-americana a ser indicada ao Oscar de Melhor atriz.

Um dos critérios para a escolha de cada um dos filmes estrangeiros é o enfoque sobre seu país. Exatamente o que O som ao redor mostra. O filme retrata a vida numa rua de classe média na zona sul do Recife, que toma um rumo inesperado após a chegada de uma milícia capaz de oferecer a paz de espírito da segurança particular. A presença desses homens traz tranquilidade para alguns e tensão para outros, numa comunidade que parece temer muita coisa. Enquanto isso, Bia, casada e mãe de duas crianças, precisa achar uma maneira de lidar com os latidos constantes do cão de seu vizinho. Uma crônica brasileira, uma reflexão sobre história, violência e barulho.

Assista o trailer do filme:

 

 

 

Share:

Leave a reply