Inflação do aluguel desacelera em setembro

202
0
Share:

BRASÍLIA (BDCi) — O Índice Geral de Preços-Mercado (IGP-M), conhecido como inflação do aluguel, porque é usado para reajustar a maioria dos contratos imobiliários, subiu 0,84% na segunda prévia de setembro, ante elevação de 1,38% no mesmo período de agosto, informou a Fundação Getulio Vargas (FGV), nesta quarta-feira (19). No ano, o índice acumula alta de 6,95% e, em 12 meses, de 7,93%.

O Índice de Preços ao Produtor Amplo(IPA), que responde por 60% do índice geral, desacelerou a alta de 1,94% para 1,11%, enquanto o Índice de Preços ao Consumidor (IPC), com peso de 30%, avançou de 0,26% para 0,37%.

A principal contribuição para o acréscimo da taxa do índice do varejo partiu do grupo transportes (de -0,37% para 0,20%), com destaque para automóvel novo, cuja taxa de variação passou de -0,62% para 0,72%.

Seguiram o mesmo comportamento as taxas de variação de habitação (de 0,16% para 0,28%), alimentação (de 0,84% para 0,94%) e vestuário (de -0,37% para -0,30%). Contribuíram as acelerações das variações de preços de móveis para residência (de 0,13% para 1,36%), carnes bovinas (de -0,33% para 1,61%) e roupas (de -0,60% para -0,42%).

Na contramão, tiveram decréscimo as taxas dos grupos educação, leitura e recreação (de 0,43% para 0,17%), comunicação (de 0,30% para 0,14%), despesas diversas (de 0,22% para 0,08%) e saúde e cuidados pessoais (de 0,45% para 0,33%), com destaque para passagem aérea (de -0,09% para -3,87%), tarifa de telefone residencial (de 0,44% para 0,00%), serviço religioso e funerário (de 1,43% para 0,59%) e medicamentos em geral (de 0,28% para -0,01%).

Já o Índice Nacional de Custo da Construção (INCC), com peso de 10 por cento no índice geral, registrou elevação de 0,14 por cento.
A segunda prévia do IGP-M calcula as variações de preços no período entre os dias 21 do mês anterior e 10 do mês de referência.

Por: Ubiratã Farias
Fonte: g1.globo.com
Foto: noticias.bahianoticias.com.br
Data: 19 de setembro de 2012, 4h43 p.m. PST

Share:

Leave a reply