Kaká perto de deixar o Real Madrid

315
0
Share:
Kaká perto de deixar o Real Madri

Com um time misto, Carlo Ancelotti deu mais uma chance a Kaká nesta quinta-feira, e o brasileiro correspondeu com dois gols. Um dos destaques na vitória por 4 a 0 sobre o La Coruña que garantiu a conquista da Taça Teresa Herrera ao Real Madrid, o jogador, no entanto, avisou após a partida que pretende deixar a equipe merengue, uma semana após ser vaiado no Santiago Bernabéu.

– Eu quero ir embora. Acho que agora é o momento adequado para mim e para o clube. Falei com o Ancelotti e com o clube, todos já sabem. Meu pai está agora falando com o clube para tentar resolver essa situação – disse o brasileiro, após a partida.

Além do meia, o volante Casemiro também deixou sua marca na goleada, enquanto Morata completou o placar. Caso decida mesmo deixar o clube, essa pode ter sido a despedida de Kaká. A janela de transferências na Espanha fecha na próxima segunda-feira e, apesar de o Real encarar o Athletic Bilbao domingo pelo Espanhol, o meia diz que já procura uma “solução amigável”.

– Agora as coisas estão difíceis para mim na equipe, há menos espaço e é hora de ter uma maior sequência. O clube sabe o que desejo. É minha obrigação trabalhar e continuar treinando, mas meu pai já está trabalhando para ver se sai alguma coisa. Acho que é o melhor para mim e para o clube – completou Kaká.

Apesar de usar alguns reservas, como Kaká e Casemiro, Ancelotti escalou titulares como Cristiano Ronaldo, Isco, Marcelo e Pepe. O italiano também aproveitou para usar Casillas, ídolo da torcida que foi barrado pelo treinador nas duas primeiras partidas do Campeonato Espanhol.

Esta foi a nona vez que o Real Madrid faturou a competição. A equipe da capital espanhola é a segunda maior vencedora do torneio e fica atrás apenas do La Coruña, campeão em 17 ocasiões e que atualmente disputa a segunda divisão do Campeonato Espanhol.

Vitória em 15 minutos

O Real precisou de 15 minutos para praticamente decidir a partida. O primeiro gol saiu dos pés de Kaká, logo aos cinco. Ele recebeu de Cristiano Ronaldo e chutou cruzado para vencer o goleiro adversário, abrindo o placar no Riazor para alegria do português, que aplaudiu o companheiro na comemoração.

Aos 12, o Real ampliou a diferença com Morata e três minutos depois fez mais um com Casemiro. Isco cobrou escanteio, e o brasileiro subiu mais que toda a defesa do La Coruña para fazer um belo gol de cabeça, praticamente definindo o duelo.

Na etapa final, Ancelotti fez várias modificações na equipe e tirou alguns dos jogadores que vêm sendo titulares no Campeonato Espanhol, casos de Isco, Cristiano Ronaldo, Marcelo e Pepe.  Pouco depois, foi a vez de Casemiro dar lugar a José Rodríguez .

Kaká, por sua vez, seguiu em campo e chegou a dar uma assistência para Morata fazer mais um, muito embora a arbitragem tenha anulado a jogada, alegando impedimento do jogador espanhol. Pouco antes do fim, Casillas também deixou o gramado e foi ovacionado pela torcida no Riazor. De quebra, ainda deixou a braçadeira para o meia brasileiro, que nos minutos finais balançou as redes pela segunda vez, fechando a conta no Riazor.

Share:

Leave a reply