Maconha é liberada no Estado de Washington

264
0
Share:

WASHINGTON (BDCi) — Alguns estados americanos já tinham legalizado a maconha para fins medicinais, mas Washington se tornou nesta quinta-feira (6) o primeiro dos Estados Unidos a legalizar o uso recreativo da maconha, um fato histórico no país, ofuscado pelo fato de as leis federais ainda proibirem a prática. “Você pode fumar e não se sentir um criminoso. Realmente não é diferente de beber uma cerveja, de fato penso que é menos nocivo”, comentou Calvin Lee.

A lei entrou em vigor hoje, após um referendo realizado há 30 dias, junto com as eleições presidenciais. A norma legalizou para maiores de 21 anos a posse e o uso de até 28 gramas maconha. A liberdade recém-conquistada foi celebrada com festas por todo estado onde a erva foi o ingrediente prinicipal.

Em Seattle cerca de 200 pessoas se reuniram em frente à Space Needle, uma torre futurista que domina a paisagem urbana. O encontro foi tecnicamente ilegal, uma vez que a lei só permite o consumo privado. Os policiais não agiram e o Departamento de Polícia de Seattle informou que por enquanto só fará advertência verbal, embora possa impor multas de 50 dolares pelo uso em público.

“Independentemente das mudanças na lei estadual, a venda ou posse de qualquer quantidade de maconha permanece ilegal segundo a legislação federal”, lembrou o gabinete do promotor-geral em Seattle.

Mas empresários já estão de olho nas lucrativas oportunidades de negócios. “Nossas lojas terão a atmosfera de uma tabacaria fina”, declarou Jamen Shiveley, ex-executivo da Microsoft que espera abrir vários locais de venda. “Nosso público alvo são na verdade os ‘baby boomers’ ( pessoas nascidas após a Segunda Guerra Mundial). Esses caras devem ter experimentado na faculdade algumas vezes e provavelmente não tragaram, mas agora está tudo bem se o fizerem”, acrescentou Shiveley, em alusão a uma declaração polêmica do ex-presidente Bill Clinton.

Os encarregados das finanças no estado também já contabilizam a perspectiva de aumento de 25% nos impostos sobre os lucros da maconha vendida legalmente, uma cifra que antes ficava estritamente nas mãos da economia marginal.

Por: Josi Chevalier
Fonte: AFP/G1
Foto: Getty Images
06 de Dezembro de 2012
9:45 p.m. PST

Share:

Leave a reply