Médico americano com Ebola tem sinais de melhora

288
0
Share:

do Terra

O médico americano infectado com o vírus Ebola “parece estar melhorando”, afirmou o diretor do Centro de Controle de Doenças dos Estados Unidos neste domingo, um dia depois do profissional ter sido repatriado para receber tratamento.

Kent Brantly, um dos dois profissionais de saúde dos Estados Unidos infectados com o vírus, desembarcou no sábado em uma base aérea do estado da Geórgia (sudeste do país).

Brantly, com um traje especial, foi levado para um hospital universitário de Atlanta, que tem uma unidade isolada para tratar pacientes com doenças infecciosas.

“É promissor observar que parece estar melhorando. Isto é muito importante e esperamos que continue assim”, disse Tom Frieden, diretor do Centro de Controle de Doenças, que tem sede em Atlanta.

Americano com ebola viajou em uma câmara de isolamento
Clique no link para iniciar o vídeo

Americano com ebola viajou em uma câmara de isolamento

Mais de 700 pessoas morreram no oeste da África na mais recente epidemia de ebola. Desde o surgimento em 1976, este vírus matou dois terços dos infectados.

“O fato é que podemos deter, podemos. Podemos impedir que saia dos hospitais e o podemos deter na África”, disse Frieden.

A esposa de Brantly, Amber, pediu orações para o marido e para os que lutam contra o vírus na Libéria.

“Conversei com ele, está feliz por ter retornado aos Estados Unidos”, afirmou.

A enfermeira Nancy Writebol, a outra americana infectada, deve ser repatriada nos próximos dias, em um procedimento similar ao de Brantly.

Share: