Obama incentiva plano energético

148
0
Share:

LAS VEGAS (BDCi) – O presidente Barack Obama, lançou nesta quinta-feira (26) um plano para incentivar o uso de gás natural e abrir mais espaço para perfurações em alto-mar visando aumentar a confiança em seu comando econômico.

Em uma parada em Las Vegas, Nevada, o presidente democrata tentou conter críticas republicanas de suas políticas energéticas enquanto propunha incentivos tributários para empresas que comprassem caminhões de gás natural, que ajudariam criar a demanda por fornecimentos domésticos abundantes do combustível.

Obama está visitando cinco estados: Iowa, Arizona, Nevada, Colorado e Michigan. A viagem foi feita depois de seu discurso do Estado da União, na terça-feira, no qual ele adotou um tom combativo contra os republicanos e falou da necessidade de reduzir a desigualdade de renda. No discurso Obama celebrou o imenso crescimento do setor de gás natural nos últimos anos com os avanços na tecnologia que desbloquearam vastas reservas.

Os republicanos censuram o modo como Obama lida com a questão da energia, e ficaram furiosos com sua decisão de bloquear o oleoduto Keystone XL do Canadá para o Texas, que, segundo eles, iria criar empregos e reduzir a dependência norte-americana do petróleo do Oriente Médio.

Obama diz que os Estados Unidos precisam de “uma estratégia completa” para desenvolver os recursos energéticos no país. “Um grande lugar para começar é com o gás natural”, disse ele durante visita a transportadora UPS em Las Vegas, empresa que recebeu estímulo para investir em veículos de gás natural liquefeito e construir uma estação de reabastecimento público do combustível.

“Temos um estoque de gás natural debaixo dos nossos pés que podem durar quase cem anos”. “Desenvolvê-lo poderia abastecer nossos carros, casas e nossas fábricas de uma maneira mais limpa e mais barata. Os especialistas acreditam que o setor pode garantir mais de 600.000 empregos até o final da década”, concluiu Obama.

Por: Josi Chevalier
Fonte: Reuters
Foto: Reuters/Jason Reed
26 de Janeiro de 2012
8:27 p.m. PST

Share:

Leave a reply