Pfizer faz recall de 1 milhão de anticoncepcionais

131
0
Share:

NEW YORK (BDCi) — A gigante farmacêutica Pfizer solicitou a retirada do mercado de 1 milhão de pílulas anticoncepcionais divididas em 28 lotes que foram distribuídos nos Estados Unidos. O contraceptivo afetado não é comercializado no Brasil, segundo o fabricante.

Catorze lotes do medicamento Lo/Ovral-28 e 14 de sua versão genérica (com norgestrel e ethinyl estradiol) deverão ser recolhidos do mercado por causa de erro na embalagem.

O problema surgiu quando a empresa detectou um erro na contagem de pílulas inertes (placebos feitos de açúcar) e anticoncepcionais de verdade contidos dentro de cada embalagem. Nos 28 lotes, algumas caixas podiam conter mais ou menos pílulas ativas. Segundo informações da fabricante, o padrão para estes medicamentos é de 21 pílulas contraceptivas e 7 placebos.

A Pfizer considera o recall bastante necessário para evitar o risco de gravidezes indesejadas entre as consumidoras que compram o produto em clínicas, farmácias ou depósitos de medicamentos. A empresa também aconselha a quem usou as pílulas do recall que use outro método contraceptivo não hormonal, como a camisinha por exemplo.

A fabricante ainda recomendou que as pacientes retornem os medicamentos aos seus médicos, caso tenham adquirido um dos lotes com embalagem defeituosa. Para a Pfizer, o erro ocorreu por uma combinação de falha mecânica e inspeção visual incorreta na linha de produção das pílulas. A fabricante afirma que o erro já foi corrigido.

A lista com a relacão dos lotes afetados esta no site (em inglês) da autoridade sanitária dos Estados Unidos (FDA), que vai monitorar o recall.

Por: Josi Chevalier

Editado por: Mariana Knabben

Fonte: G1/Reuters

Fotos: FDA/Reuters

03 de Janeiro de 2012

10:35 a.m. PST

Share:

Leave a reply