Segundo caso de Mers é registrado nos Estados Unidos

163
0
Share:

Do TERRA

As autoridades de saúde dos Estados Unidos confirmaram nesta segunda-feira que um segundo caso de Mers no país foi registrado no estado da Flórida. A doença, conhecida como a Síndrome Respiratória do Oriente Médio, é causada por um vírus mortal, descoberto pela primeira vez em 2012. As informações são da agência Reuters e do jornal The New York Times.

O Centro de Controle e Prevenção de Doenças afirmou que, assim como o primeiro infectado, trata-se de um caso “importado”, ou seja, que um viajante contraiu o vírus em outro país e trouxe à costa dos EUA.

A pessoa infectada é um profissional de saúde que trabalha na Arábia Saudita. No início de maio ele teria viajado para os EUA para visitar a família, que mora em Orlando. O médico passou mal no avião e foi levado ao pronto-socorro.

No primeiro caso, a vítima também era um profissional de saúde e havia voado da Arábia Saudita ao estado de Indiana, nos Estados Unidos, no início do mês. Logo após chegar na cidade norte-americana de Highland, o paciente começou a sentir febre, falta de ar e procurou atendimento no hospital local.

Mesmo com tantas semelhanças, os dois casos são tratados separadamente. Segundo as autoridades de saúde, o risco para a população em geral é bem baixo, já que os registros de transmissão da doença estão associados a familiares que cuidam dos infectados ou aos profissionais de saúde.

O diretor do Centro de Controle e Prevenção de Doenças, o Dr. Thomas R. Frieden, pediu que todos os médicos fossem “vigilantes”.

Nesta segunda-feira, a OMS confirmou 538 casos da doença em todo o mundo. Destes, 145 foram fatais. Na última sexta-feira, as autoridades sauditas disseram que o número de infecções no país chegou a 473.

Terra
Share: